Forro de sala de aula desaba e deixa duas crianças feridas em SP

Uma das vítimas teve uma luxação no ombro e escoriação na costela.

Parte do forro caiu em cima de duas crianças Divulgação/Amanda Cristina da Silva Alves Parte do forro de uma das salas de aula da Unidade Municipal de Ensino (UME) Rui Barbosa , em Cubatão (SP), caiu em cima de duas crianças durante a manhã desta sexta-feira (8).

Segundo informações obtidas pelo G1, os alunos estudam no quinto ano da escola localizada na Rua Vereador Luiz Peruzzi Neto, no Jardim Caraguatá.

Um dos meninos teve escoriação na costela e está com o ombro dolorido.

A outra criança foi atingida de raspão e passam bem. A indignação da mãe de Roberson Batista Gomes Filho, de 11 anos, Amanda Cristina da Silva Alves, foi exposta nas redes sociais e a publicação ganhou centenas de compartilhamentos e comentários.

Na postagem, feita às 10h30, ela relata: “Você manda seu filho pra escola achando que lá é um lugar seguro para ele e o que acontece? Simplesmente, o forro da sala cai em cima dele.

Isso mesmo, o forro da sala de aula caiu em cima do meu filho”. Parte do forro caiu em cima de duas crianças Divulgação/Amanda Cristina da Silva Alves Ao G1, a mulher explicou que recebeu um telefonema da escola dizendo que seu filho havia sofrido um acidente.

Ao chegar no local, soube que o forro havia caído em cima da criança.

“Em nenhum momento recebemos qualquer tipo de socorro ou ajuda.

Estou revoltada.

levei meu filho na UPA e foi constatada uma luxação no ombro esquerdo e uma escoriação na costela”, conta.

Segundo Amanda, a diretora da unidade de ensino mostrou diversos memorandos cobrando providências da Secretaria de Educação da cidade em relação à melhorias na escola.

"Esse tipo de coisa acontece porque a muita gente deixa para lá.

É inadmissível o que aconteceu com o meu filho".

O caso foi registrado como Omissão de Socorro na Delegacia de Defesa da Mulher de Cubatão. Por meio de nota, a Secretaria de Educação informou que a direção da unidade tomou todas as providências para atendimento médico dos alunos, avisando a Seduc e os pais dos alunos que, felizmente, passam bem e tiveram apenas ferimentos leves.

A Secretaria de Manutenção e Serviços Públicos (Sesep) foi acionada para iniciar de imediato o reparo na sala, bem como realizar uma vistoria na unidade.

A administração ainda afirmou que caso seja detectado algum outro problema no próprio, ações de manutenção já serão realizadas.

“A Secretaria de Educação afirma que está totalmente à disposição das famílias dos alunos para qualquer esclarecimento e ou necessidade das mesmas, e salienta o esforço e trabalho em zelar pelo bem-estar de todos os alunos”.

Menino teve uma luxação no ombro esquerdo Divulgação/Amanda Cristina da Silva Alves
Categoria:SP - Santos e Região